Contradições e implicações: Compreendendo um comportamento aparentemente irracional

Ao olharmos alguns exemplos de sessões de pesquisa com usuários explorando tocadores de mídia portáteis, é possível destacar uma série de implicações que mostram esse comportamento como sendo completamente racional. Descobrimos que analisar isoladamente os dados qualitativos ou de interação em um estudo de usabilidade, sem explorar o histórico de um participante, fornece uma visão limitada que pode ser enganosa, além da possibilidade de perder importantes descobertas.

O artigo completo está disponível somente em inglês.

Comments are closed.